top of page
  • Foto do escritorGilsom Castro Maia

Gesto Técnico x Recursos Emocionais




Quando o gesto técnico é correto, as emoções positivas como confiança, motivação e satisfação são frequentemente experimentadas pelos atletas, devido o número de erros diminuiriem. A sensação de sucesso e competência resultante de um gesto técnico bem executado reforça essas emoções positivas, criando um ciclo de feedback positivo que pode aumentar ainda mais o desempenho do atleta.


Por outro lado, quando o gesto técnico é incorreto, podem surgir emoções negativas como frustração, ansiedade e desânimo. A incapacidade de executar um movimento com precisão pode minar a confiança do atleta e gerar dúvidas sobre suas habilidades. Essas emoções negativas podem afetar adversamente o desempenho subsequente, criando um ciclo de feedback negativo que pode levar a uma espiral descendente de desempenho.


Além disso, as emoções também podem influenciar a atenção e o foco do atleta durante a execução do gesto técnico. Quando as emoções estão sob controle e positivas, o atleta é mais capaz de concentrar sua atenção nos detalhes técnicos e executar movimentos com precisão. No entanto, emoções negativas podem distrair o atleta e desviar sua atenção dos aspectos técnicos importantes, resultando em uma execução incorreta do gesto técnico.


Os fatores emocionais têm uma influência significativa tanto na execução do gesto técnico correto quanto no incorreto na prática esportiva, afetando a motivação, a confiança, a atenção e o desempenho geral do atleta. Dominar o controle emocional e desenvolver estratégias para lidar com emoções negativas pode ser tão importante quanto a prática física na busca da excelência esportiva.


A diferença entre um gesto técnico incorreto e um gesto técnico adaptado na prática esportiva é crucial para entender como as atletas lidam com desafios físicos e limitações pessoais. Um gesto técnico incorreto ocorre quando um atleta executa um movimento que não segue os princípios biomecânicos e técnicos adequados para a modalidade esportiva em questão. Isso pode resultar em ineficiência, falta de isolamento e até mesmo em lesões devido à sobrecarga de certas áreas do corpo.


Por outro lado, um gesto técnico adaptado refere-se a uma modificação consciente do movimento técnico para compensar especificações físicas ou habilidades específicas do atleta. Essas adaptações podem ser permitidas devido às lesões acima, diferenças anatômicas individuais, ou simplesmente para melhorar o desempenho com base nas características pessoais do atleta.


A principal diferença entre os dois está na intencionalidade e na eficácia do movimento. Enquanto um gesto técnico incorreto resulta em um movimento que não atende aos padrões técnicos específicos e pode prejudicar o desempenho, um gesto técnico adaptado é uma estratégia consciente para trabalhar dentro das capacidades individuais do atleta, buscando maximizar a eficiência e minimizar o risco de lesões.


Enquanto um gesto técnico incorreto representa uma execução limitada do movimento esportivo, um gesto técnico adaptado é uma modificação estratégica feita pelo atleta para otimizar seu desempenho, levando em consideração suas próprias especificações físicas e habilidades específicas.


Os fatores emocionais e cognitivos desempenham um papel crucial na execução do gesto técnico correto na prática esportiva. Em primeiro lugar, as emoções como confiança, concentração e controle do estresse podem influenciar diretamente a precisão e a eficácia do gesto técnico. Por exemplo, um atleta confiante tende a executar movimentos com mais precisão e determinação.


Além disso, os fatores cognitivos, como o processamento visual e a tomada de decisões rápidas, são fundamentais para a execução correta do gesto técnico. Uma mente clara e focada pode analisar rapidamente as informações visuais, como a posição dos oponentes e a trajetória da bola, e tomar as decisões necessárias para realizar o gesto técnico de forma adequada.


A importância do gesto técnico correto na prática esportiva é multifacetada. Primeiramente, um gesto técnico adequado é essencial para maximizar o desempenho atlético e alcançar resultados positivos. Movimentos precisos e eficientes não apenas melhoram o desempenho individual, mas também são importantes para o sucesso da equipe como um todo.


Além disso, o gesto técnico correto ajuda a prevenir lesões. Executar movimentos de forma física pode sobrecarregar certos músculos ou músculos, aumentando o risco de lesões a curto ou longo prazo. Portanto, dominar a técnica adequada é essencial para garantir a segurança do atleta durante a prática esportiva.


Por fim, o gesto técnico correto também desempenha um papel importante na eficiência energética. Movimentos técnicos precisos e fluidos exigem menos esforço físico, permitindo que os atletas conservem energia ao longo da competição e mantenham um desempenho consistente até o final.


Em resumo, os fatores emocionais e cognitivos estão intrinsecamente ligados à execução do gesto técnico correto na prática esportiva, e sua importância é inegável para o desempenho, a segurança e a eficiência dos atletas.



6 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page